3.11.15

Eu sou fantástico: Orc

Uma das minhas histórias preferidas é a trilogia O Senhor dos Anéis, de Tolkien. E foi através dessa saga que conheci os temíveis e nojentos orcs. Acabou que, dentre os seres malignos criados pela literatura fantástica, os orcs acabaram se transformando em um dos que despertam mais minha curiosidade. Sendo assim, o Eu Sou Fantástico de hoje é dedicado à eles!


Normalmente os orcs são descritos como criaturas humanoides feias, com braços compridos, costas e pernas arqueadas, nariz achatado e pele desbotada. Seu sangue é negro e azedo. Há também menções à esses seres como muito fortes e de pele negra. Outra característica marcante é que eles não podem caminhar sob o sol, e mesmo nas raças em que isso é possível, eles odeiam. Embora sejam estúpidos, são retratados como seres infelizes, que odeiam todos, incluindo a si mesmos e aos seus mestres, que servem por medo.

Os orcs possuem o valioso dom de curar ferimentos e de criar máquinas de tortura. Suas armaduras também merecem destaquem, visto que são bastante eficientes. Como armas eles usam flechas e lâminas envenenadas. Suas canções são sempre horríveis e suas vidas são dedicadas a combater as forças do bem.


Como estão sempre famintos, essas criaturas comem todo tipo de carne, inclusive a de homens. Em O Senhor dos Anéis os orcs que capturam Merry e Pippin discutem se deveriam ou não comer os hobbits. Neste momento, um dos orcs que teve a ideia tenta investir contra os pequenos, mas é impedido pelo líder da horda, que lhe corta a cabeça. Então, o próprio líder avisa aos demais que "a carne voltou a fazer parte do cardápio", e pouco antes da chegada dos cavaleiros de Éomer eles destrincham as vísceras do companheiro morto num ato desesperado de canibalismo.

A origem dos orcs é bastante controversa, sendo a teoria mais aceita a que dita que eles eram feitos de pedra e lodo e animados por feitiços. Também há uma corrente a qual diz que eles são criados a partir de Elfos ou humanos mutilados. Apesar de não serem imortais, esses seres ao menos vivem muito.

Depois de popularizados nas histórias de Tolkien, os orcs também ganharam espaço no mundo dos jogos de RPG, como D&D, Tibi, The Lord of the Rings Online e Ragnarok Online. No entando, há aqueles onde eles não aparecem como criaturas maléficas, que é o caso de World of Warcraft, por exemplo. Nesse jogo eles são uma raça semelhante a dos homens.


Na literatura também há outras aparições desses seres. C. S. Lewis, por exemplo, se referiu aos orcs em O Leão, a Feiticeira e o Gurda-roupa. Isso acontece quando Aslan chega à Mesa de Pedra, momento em que o narrador menciona muitas criaturas maldosas que se reuniram em torno da Feiticeira Branca, dentre elas os "Orknies".

Com certeza são criaturas más, daquelas que é impossível torcer a favor. Mas uma coisa vocês precisam concordar comigo: eles são dignos de qualquer boa fantasia!

2 comentários:

  1. Fantástico !
    Amo Tolkien *-* estou tentando ler O Senhor dos Anéis, mas mal consigo enxergar as letras da edição única :/
    Eu acho todo esse mundo simplesmente maravilhoso !
    Adorei o post, tem muita coisa interessante sobre os Orcs que eu não sabia kkk, não gosto muito deles, mas amei saber um pouco mais a respeito
    Beijo
    Sorvete Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mundo criado por Tolkien é incrível mesmo, Lari! A dificuldade com a letra pequena vai ser compensada pelahistória maravilhosa que vc vai conhecer! :)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...